Administrar uma empresa com foco: 5 coisa para NÃO se fazer

Foco. Essa palavra permeia todos e quais quer materiais que abordar como se administrar uma empresa de forma eficiente. Foco no mercado, foco no produto, foco no dinheiro, foco nas vendas.

Foco acaba vindo com sinônimo de “pensar obsessivamente” sobre algo. Dormir pensando nisso. Ler sobre, estudar sobre. Oscar Schmidt, o astro do basquete brasileiro literalmente dormia com a bola, quando era moleque.

Um grande aprendizado que tive em uma fase difícil da minha vida, há uns seis anos, é que eu poderia reverter grande parte de meus problemas acessando meus recursos internos. E precisaria ter FOCO para fazer o que eu deveria fazer. E paciência. Pronto, aí a maionese desanda. Para muitos.

Como ter foco e pensar obsessivamente sobre algo, você encontra em diversos materiais e publicações na internet. Aqui vão as 5 coisas que você NÃO deve fazer se quiser ter foco.

steve-jobs-como-administrar-uma-empresa-com-foco
“A decisão do que não fazer é tão importante quando a decisão do que fazer”

1)- Não Desviar o Pensamento Para Coisas Inúteis Naquele Momento

Ter foco em uma ou duas coisas significa deixar qualquer foco sobre as demais não importantes. Sejam coisas, pessoas, ideias. Se o seu momento de vida e o momento de sua empresa requerem “FOCO”, desvie o pensamento excessivo no que não importa. Aquela viagem que queria fazer, aquela pessoa que queria ter, aquele carro que gostaria tanto de comprar. Pense. Relembre-se destas coisas. E esqueça.

Para mim foi muito importante saber que eu precisaria de um bom tempo, mais ou menos uns dois anos, para chegar onde eu gostaria. Esta era a prioridade. Tudo poderia vir DEPOIS. Não naquele momento. E assim, colocamos as distrações para repousar.

2)- Não Desperdiçar Energia à Toa

Foco requer disciplina, algo cada vez mais difícil de se manter em um mundo com tanta distrações. E disciplina requer rotina, o que para quem administra empresas também é cada vez mais difícil.

Incêndios do dia-a-dia devem ser cuidados na forma e no tempo adequados, não como prioridade. Muitas vezes é apenas fumaça. Como dizia Jack Welch, ex-presidente da GM, “qualquer problema pode esperar uma hora e meia para ser resolvido”.

Na minha experiência, muitas coisas surgiram como “urgentes”, mas que na verdade poderiam esperar. Podiam esperar dois anos, até que eu realizasse o que eu precisava.

3)- Não deixar seu lazer de lado

Foco não é esquecer de que há vida lá fora. Reserve seu tempo para lazeres comuns, que possam te distrair nos momentos de descanso. Passeios, viagens, festas? Pode ser.

Mas uma série legal na TV custa muito menos, não desperdiça sua energia e te “tira do seu mundo” por algumas horinhas. Aposte nisso.

4)- Não deixar sua saúde de lado

Procure por “hábitos das pessoas de sucesso” no Google. Ou “hábitos dos CEOs”. Ou qualquer coisa parecida. Pessoas de sucesso normalmente mantém hábitos de vida variados. O que comem, a que horas preferem as reuniões, quanto tempo se dedicam a ler ou aprender algo novo.

Mas todos – SEM EXCEÇÃO – têm isso em comum: Acordam cedo (em geral 5:30 da manhã) e a primeira coisa que fazer é exercício físico.

Além da manutenção da saúde – a longo prazo – exercício físico te revitaliza, oxigena seu cérebro e suas idéias e te prepara para seu dia. Aposte nisso.

O meu esporte é a natação. Na grande retomada que tive de dar em minha vida, a natação logo de manhã foi de fundamental importância. E a realização de travessias marítimas ajudou como incentivo. Hoje, quatro anos depois, acordo às 5:20 e estou na piscina às 6:50 em ponto. Três vezes por semana.

Faça a atividade física que te agrada mais. Não existe a certa. Não gostar de exercício ou não ter tempo para eles não são opções. 

5)- Não manter coisas e pessoas que não se encaixam mais na sua nova realidade.

Pronto, você decidiu mudar alguns rumos, seja ao administrar sua empresa ou até em como toca sua vida e seus hábitos. Você mudou.

Mas não é porque você mudou, que o mundo também mudou. Provavelmente não. A maioria das pessoas vivem na inércia de suas vidas, um dia após o outro. Mudanças, em geral, são péssimas notícias, pois as tiram de suas zonas de conforto. Se você mudou, receberá muitas críticas de quem não quer e não vai mudar junto.

Afaste estas pessoas. Novas pessoas, mais alinhadas com o que você se tornou, irão se aproximar naturalmente. E rápido.

Coisas também não mudam. Mude elas. Pinte seu quarto. Mude seu escritório, sua sala de estar.

Quando fazemos “limpezas” ou “mudanças” em coisas materiais que nos cercam, acabamos fazendo esta limpeza em nossas próprias mentes.

www.cesarnc.com.br

Compartilhe:
Avatar

Autor: César Cremonesi

Graduado em Engenharia pela UNICAMP, conta com vasta experiência em Gestão Empresarial, Plano de Negócios e Consultoria para Pequenas e Médias Empresas. Acumulou grande experiência como empreendedor nos ramos de internet, alimentos orgânicos industrializados. Foi fundador e diretor da marca de moda feminina XTORM, com lojas em Shopping Center de São Paulo. Em 2015 passou a atuar exclusivamente como Consultor Empresarial na Região de Campinas, SP, com clientes nas áreas de franquias, internet, autocenter, atacado e indústria. Em 2003, foi premiado no I Fórum de Projetos Sustentáveis da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *