O Desafio da Retomada Econômica para Pequenas e Médias Empresas

Consultoria para a Retomada da Economia
A retomada econômica em etapas, no pós pandemia do coronavirus, impõe desafios para Pequenas e Médias Empresas, que podem amargar ainda mais prejuízo sem organização.

A simples autorização de reabertura para Pequenas e Médias Empresas afetadas pelas quarentenas da pandemia de coronavirus pode não ser suficiente para a retomada do faturamento em níveis que, pelo menos, não tragam ainda mais prejuízo para as empresas.

Há relatos de bares e restaurantes, autorizados a reabrir entre 12h e 17h, com gastos de reposição de estoques e custos de funcionamento (água, gás, luz, funcionários) que excedem muito o faturamento diário e, por consequência, geram ainda mais prejuízos para os empresários.

Novo Tamanho de Sua Empresa

É fundamental que as empresas façam uma análise do “tamanho” de seus negócios na retomada. Fazer o pensamento:

“Se minha empresa sempre tivesse um faturamento 50% menor, como eu a organizaria com funcionários, custos e finanças?”

Isso não significa que sua empresa voltou “à estaca zero” ou perdeu anos de trabalho. A retomada será mais rápida do que todo o tempo que sua empresa levou para chegar onde estava em fevereiro deste ano.

Mas você deve adequar constantemente o “tamanho” do seu negócio para as vendas ATUAIS e vai adicionando custos na medida em que verifica o aumento da demanda pelos seus produtos e serviços.

Empresas que controlaram bem os custos e redimensionaram a operação durante a pandemia, devem expor um panorama financeiro como no gráfico abaixo, com queda nas vendas sendo compensada com queda nos custos.

Desta forma, o empresário teve baixa nos lucros ou até prejuízos, mas tudo ficou sob controle:

Já empresas que não se anteciparam e não controlaram os lucros, certamente terão mais dificuldade na retomada e precisaram ou vão precisar de injeção de capital para sustentar o negócio (linha de crédito, financiamentos, etc.)

Uma empresa que, na pior das hipóteses, manteve os custos iguais, mesmo com a queda no faturamento, tiveram prejuízos acumulando durante meses e, no exemplo abaixo, um rombo de R$ 150.000 reais no caixa.

Importância da Organização

O exemplo do segundo gráfico é o que está levando muitas empresas ao fechamento definitivo. A falta do controle e organização da empresa para o enfrentamento de um período de grande incerteza.

No momento em que escrevo este artigo, estamos no “Agosto” do gráfico, ou seja, com uma perspectiva positiva de retomada de vendas, porém com a incerteza sobre A VELOCIDADE desta retomada.

Na fase em que estamos, o empresário deve estar mais “afiado” para reagir rapidamente ao aumento da demanda do que “apostando” dinheiro (estoque, custos, RH) em uma retomada incerta.

Reagir rapidamente só é possível com uma boa Geração de Cenários possíveis no futuro imediato, isto é, com retomada mais rápida, mais lenta e um cenário médio.

O empresário, então, organiza suas ações dependendo de como a retomada se dá no dia-a-dia e garante um mínimo de prejuízo ou até pequenos lucros até que a empresa retorne aos patamares de faturamento e lucros anteriores à crise do coronavirus.

Saiba mais como reorganizar sua empresa no meu site de consultoria específico para a Reestruturação de Empresas para a Retomada da Economia.

Compartilhe:
Avatar

Autor: César Cremonesi

Graduado em Engenharia pela UNICAMP, conta com vasta experiência em Gestão Empresarial, Plano de Negócios e Consultoria para Pequenas e Médias Empresas. Acumulou grande experiência como empreendedor nos ramos de internet, alimentos orgânicos industrializados. Foi fundador e diretor da marca de moda feminina XTORM, com lojas em Shopping Center de São Paulo. Em 2015 passou a atuar exclusivamente como Consultor Empresarial na Região de Campinas, SP, com clientes nas áreas de franquias, internet, autocenter, atacado e indústria. Em 2003, foi premiado no I Fórum de Projetos Sustentáveis da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *